Jovens JMV da Diocese de Portalegre – Castelo Branco

 

Entre os dias 21 e 25 de agosto, de quarta-feira a domingo, decorreu em Felgueiras, no Monte de Santa Quitéria, o 35.º Encontro Nacional da Juventude Mariana Vicentina (JMV), no qual estiveram presentes vinte jovens da nossa Diocese, das paróquias de Alferrarede (JMV Alferrarede), Cernache do Bonjardim (JMV Cernache do Bonjardim) e Souto (JMV Carvalhal), bem como jovens da Paróquia de Oleiros, onde recentemente se realizou uma Missão Jovem JMV no mês de julho.

 

O encontro teve como tema “Animado pelo Espírito, faz-te à missão” e integrou vários momentos de formação, reflexão, oração e de convívio. Na quinta-feira, a reflexão girou à volta do tema do encontro individual de cada um com Deus, encontro que se realiza através da oração e que se manifesta através da vivência dos Sacramentos. Durante o dia, os jovens ouviram vários testemunhos de outros jovens sobre como podemos construir uma relação profunda, sólida e alegre com Deus e, à noite, foi proposta uma celebração penitencial, na qual os jovens foram convidados a despir-se das máscaras que se usam diariamente e que impedem de viver uma vida em pleno, cheia do amor de Deus.

 

Na sexta-feira, os jovens aprofundaram o subtema do Espírito Santo, uma das três pessoas da Santíssima Trindade, aquele que envia e inflama a ser discípulos missionários que levam o Evangelho a todas as periferias. Meditando sobre os dons do Espírito Santo, os jovens refletiram sobre a missão de Igreja, hoje em dia, que é a continuação da missão de Jesus Cristo. O dia terminou com uma oração à primeira missionária, Maria, a Serva do Senhor, uma celebração mariana realizada no Santuário de Santa Quitéria, que integrou também uma procissão de velas. Um momento de oração muito interpelador, inspirado no modelo de Nossa Senhora, Mãe de Cristo e Mãe de todos nós.

 

No sábado, o subtema abordado foi a missão enquanto característica fundamental da espiritualidade vicentina. Partindo do exemplo do místico São Vicente de Paulo, patrono da JMV, os jovens foram convidados a refletir como a missão vicentina faz parte das suas vidas. Na parte da tarde, foram feitas visitas a várias obras de caridade dos concelhos de Felgueiras e Lousada, momento em que os jovens puderam ter contacto direto com a realidade de apoio aos que mais precisam e refletir como a vida de cada um pode ser missão ao ajudar a tornar melhor a vida do outro. Ao final da tarde, houve ainda espaço para testemunhos missionários dos jovens da JMV. Os jovens que participaram em campos de missão, na Missão Jovem JMV (em Oleiros e na Madeira) e na Missão Renascer Pra Esperança (missão da JMV em Moçambique) partilharam com os participantes do encontro como é a experiência de ser missão e de despertar os outros para o Amor de Jesus Cristo, uma amor que deve ser efetivo e afetivo. A última noite no encontro foi tempo de festa e de convívio.

 

No domingo, a manhã foi tempo para encerramento e avaliação do encontro e apresentação do tema e plano de atividades para o ano pastoral 2019/2020. Na Eucaristia de encerramento foram dadas graças pelo ano pastoral que termina e por estes dias de encontro, de partilha, de testemunho, de comunhão. Na Eucaristia foram enviados cinco jovens da JMV para a Missão Renascer Pra Esperança, a missão da JMV em Moçambique. Um dos jovens enviados é o João Pedro, jovem da Paróquia de Alferrarede, da nossa diocese. Após o almoço, foi tempo de envio dos jovens para as suas paróquias, pois é lá que a missão continua, pois “somos todos missão nesta terra”. Os grupos de jovens da JMV são grupos com identidade vicentina, mas que têm como principal objetivo o serviço na Paróquia. A JMV forma os jovens para servirem nas suas paróquias, enquanto membros ativos na missão da Igreja. Na Diocese de Portalegre – Castelo Branco existem grupos JMV nas Paróquias de Alferrarede, Cernache do Bonjardim e Souto (Comunidade do Carvalhal).


JMV Alferrarede

Partilhar:
Comments are closed.